Como indexar meu Blog no Google




Como indexar meu Blog no Google

Olá Queridos, hoje nosso post, vem falar de um assunto muito importante, de como indexar o Blog no Google.  Se você criou seu blog, e ainda não está conseguindo resultados, quando busca no buscador de pesquisa, então preste bastante atenção. Podemos então acelerar este rastreamento pelo Google, e fazer com que as informações de nosso Blog, chegue de forma mais rápida. Então vamos lá:



Passo a passo
  1. Você pode pode  utilizar as Ferramentas para Webmaster do Google. Através deste link: Acesse as Ferramentas para webmaster do Google ,  através desta ferramenta, podemos registrar nosso blog.

 2.  Adicione seu blog, digite no campo indicado a  sua url ou endereço.




 3. Agora você irá verificar se é proprietário.  No caso do Blogger o ideal é você  inserir o código de seguimento do Google Analytics, ou por uma metatag que deveremos colocar na seção head. 
















4. Você deverá  colar o código de verificação no HTML, como primeira linha da seção.





5. Em seguida, na página principal das Ferramentas para Webmaster, localize onde está “Sitemap” e clique em Adicionar/testar Simtemap, insira:  atom.xml e clique em enviar.


Depois de enviado, é necessário que você espere alguns dias para verificar se a indexação foi realizada.



É muito importante que seu site, seja encontrado pelos Google e outras ferramentas de busca. É uma fonte importante de visitas, que pode impulsionar a evolução do seu blog. Para informações se o seu Blog já foi indexado indexado,  você pode pesquisar site: http://seusite.com.br , nos buscadores para saber  as páginas indexadas. 

Espero que tenha Gostado, até o próximo post.

Dicas para crescer pelos em sobrancelhas com falhas


Dicas para crescer pelos em sobrancelhas com falhas
   

 A moda agora é ter sobrancelhas sem falhas, cumpridas e grossas, contornando os olhos de maneira marcante e sensual. Elas realçam a beleza natural do rosto e deixam com uma aparência bem cuidada. Geralmente as mulheres, costumam ter as sobrancelhas finas e falhadas, e  que nem sempre favorece o olhar. E para deixá-las, mais grossas e com um contorno melhor, muitas mulheres utilizam lápis ou sombras, para pintá-las, enquanto elas não crescem.

Hoje, existem várias técnicas para serem usadas, para deixarem as sobrancelhas perfeitas, mas, nada melhor do que utilizar-se de métodos naturais, que garantem o crescimento do seu próprio pelo.
Uma maneira de estimular o crescimento dos pelos ,e Pentear as sobrancelhas diariamente, pois, estimula as células responsáveis pelos pelos







Dicas para o crescimento dos pelos de forma natural:

Inicie, lavando bem o rosto, com água e um sabonete neutro. Em seguida, seque muito bem com uma toalha.

Para está dica, você irá precisar de:

  • 2 gotas de óleo de alecrim (você pode encontrar esse óleo em lojas de produtos naturais).
  • 4 colheres de sopa de óleo de rícino (você pode encontrá-lo em farmácias e lojas de produtos naturais) O óleo de rícino,  muito usado como remédio caseiro para fazer crescer as sobrancelhas de forma rápida
  • 1 cotonete para aplicação

Passo a Passo:

A noite, depois que o rosto já limpo e seco, misture os óleos da receita, em um recipiente limpo.(Prepare somente o que será utilizado no dia). Molhe o cotonete na mistura e passe cuidadosamente sobre a sobrancelha. Deixe secar e vá dormir. Na manhã seguinte, lave o rosto com sabonete neutro e água. Repita esse processo diariamente. É necessário que a aplicação seja realizada todos os dias para  resultados positivos. Você verá que em breve sua sobrancelha estará, sem falhas e pronta para ser modelada.



Ministério da Saúde recomenda, que pessoas que irão viajar para regiões silvestre se imunizem contra a febre amarela

                                                    Crédito pela  imagem:(https://pixabay.com/pt/)
     Pessoas que possuem viagens   marcadas, para às unidades de conservação como:   regiões silvestres, rurais ou de mata dentro dessas áreas, deve se imunizar. O Ministério da Saúde reforçou, nesta ultima terça-feira(10/01), sobre as recomendações de vacinações contra a febre amarela, neste período do ano, quando é registrado maior número de casos em grande parte do Brasil. A vacina contra a febre amarela é ofertada no Calendário Nacional do Sistema Único de Saúde (SUS) e enviada  mensalmente, para todo o país. 
Já para os Municípios do Estado de Minas Gerais , o Ministério de Saúde informou que a vacinação deve ser imediata, preferencialmente, para as pessoas que vivem em áreas rurais dos municípios com casos suspeitos e a pessoas que nunca se imunizaram contra a doença. Isso, porque segundo o Ministério de saúde , foram registrados, nos municípios de Minas Gerais 23 casos, sendo 16 prováveis e sete em investigação. Dentre os 23 casos, foram registradas 14 mortes. 
O Ministério Da saúde informou, que  investigação está já está sendo conduzida, com sua parceria e  com o estado de Minas Gerais e municípios envolvidos.  

Febre Amarela:
A febre amarela silvestre (FA) é uma doença endêmica no Brasil, particularmente na região amazônica,  Nos últimos anos, as regiões Centro-Oeste, Sudeste e Sul do país também foram acometidas com casos da FA. A doença é transmitida somente pela picada de mosquitos infectados. Na febre amarela silvestre (transmitia em ambiente silvestre) os mosquitos transmissores são o Haemagogus e o Sabethes; na febre amarela urbana, o Aedes aegypti é o transmissor. Porém, este tipo não é registrado no Brasil desde 1942.
A vacinação é recomendada a partir dos nove meses de idade, conforme orientações descritas 

 Seus sintomas:
 A Doença apresenta, calafrios, dor de cabeça, dores nas costas, dores no corpo em geral, náuseas e vômitos, fadiga e fraqueza. Em casos graves, a pessoa pode desenvolver febre alta, icterícia (coloração amarelada da pele e do branco dos olhos), hemorragia e, eventualmente, choque e insuficiência de múltiplos órgãos. 
O período em que o vírus irá se manifestar no homem varia de 3 a 6 dias, após a picada do mosquito infectado, podendo se estender até 15 dias. 
A maioria das pessoas apresenta melhora após os sintomas iniciais, no entanto cerca de 15% apresentam apenas um breve período de horas a um dia sem sintomas e, então, desenvolvem uma forma mais grave da doença. Cerca de 20 a 50% das pessoas que desenvolvem doença grave podem morrer. Se não for tratada rapidamente, a febre amarela pode levar à morte em cerca de uma semana.
Esse homem doente pode servir como fonte de infecção para outros mosquitos transmissores durante no máximo sete dias.


   Vale ressaltar, que para  não chegar a estas consequências  graves, A Organização Mundial da Saúde, considera que apenas uma dose da vacina já é suficiente para a proteção por toda a vida. No entanto, como medida adicional de proteção, o Ministério da Saúde definiu a manutenção do esquema de duas doses da vacina Febre Amarela no Calendário Nacional, sendo uma dose aos noves meses de idade e um reforço aos quatro anos.
No site do Ministério da saúde, você encontra muitas informações a respeito da febre amarela, e também a lista de municípios com a recomendações da vacina.
Quer saber mais, acesse:




Curta aqui

Seguir por email

Topo